6 de setembro de 2014

É necessário que ajudemos o outro a seguir o caminho certo. Não podemos fingir que não estamos vendo o que está errado, precisamos corrigir com amor. E quem é corrigido precisa aceitar a correção também com amor e aprender com seu erro. E o mais importante não voltar a errar. 23º Domingo Comum.Missa com as crianças. Paróquia São Miguel.




Buá! Buá!
 Samuel, você está chorando?
 To sim, é que eu fiz uma coisa errada e mamãe me chamou a atenção.
Sabe amiguinho sua mãe te ama muito e por isso te corrigiu.
 Você fala isso, por que não foi você que levou um rala.
 Se sua mãe não te amasse, ela não te corrigia. Já pensou se você continua fazendo as coisas erradas?
 Vai chegar uma hora que o erro vai ser difícil de ser corrigido e pode te colocar numa grande enrascada
. : A correção é importante. Jesus também corrigia os seus amigos, pois a correção nos ensina o caminho certo a seguir.
 Nossa, Deus é mais que demais mesmo. Até com meu erro Ele me ensina. Como eu fico sabendo sobre as coisas de Deus?
 Indo a Missa, Indo a catequese!
 É, e na catequese e na missa,é só você escutar ou ler o que nos diz a Bílblia, sobre Deus e o seu reino.
 E, por falar nisto, estamos no mês da Bíblia. Ela  é a fonte da nossa evangelização. Viva a Palavra de Deus!
Agora, entoemos o Canto de Entrada.
 

Catequista:Boa tarde, dia crianças! Hoje quero ver quem prestou atenção direitinho nos ensinamentos de Jesus. Prestem atenção nessa cena.

Laiz: (entra com uma mochila e senta , fica lendo um livro e descuida da mochila)

Lu e Sol: (entram conversando)Lu disfarça e rouba um lanche na sacola e começa a comer oferecendo a Sol.
CONGELA A IMAGEM
Narrador:Pára tudo! Bom crianças agora eu quero ver. A Lalá tava quetinha lendo e aconteceu alguma coisa, o que foi? (ela foi roubada) e isso é certo ou errado? (errado) A Sol viu tudo e o que ela deve fazer? Vou dar três opções.

1- Como ela é amiga da Lu, ela deve ficar caladinha e não falar nada.

2- Ela grita com a amiga, toma o lanche dela e devolve para a Lalá.

3- Ela chama a amiga no canto e diz que o que ela fez não é correto. Que ela deveria se desculpar com a Lalá e devolver outro lanche a ela.
O que vocês acham? Se ela fica calada ela se torna favorável ao que é errado e isso pode acontecer? Não. Senão a Lu vai continuar errando não é verdade? Pois é em nossa casa a mamãe e o papai também ficam danados quando a gente faz coisa errada e precisam nos corrigir. Se o pai vê o filho fazer coisa errada e não corrige ele não esta agindo certo. Na comunidade também corrigimos o outro quando ele faz algo errado para que ele aprenda o que é certo. Mas eu devo gritar ou colocar num outdoor o que o outro fez de errado? Não né? Eu não preciso humilhar o outro. Mas eu devo corrigi-lo com amor. Vamos ver como essa história pode terminar? Vou descongelar a imagem.

Sol: Lu você é minha amiga né?
Lu: claro que sim
Sol: então senta aqui comigo. Pegar o lanche da Lala não foi legal. Já pensou se ela não tem mais nada pra comer? E se fosse o seu lanche, que sua mãe preparou com carinho e alguém pegasse?
Lu: nossa, não pensei nisso. Estou tão envergonhada.
Sol: vamos arrumar outro lanche e ai a gente conta pra ela e você pede perdão. Ai nós três podemos ate ir brincar juntas. O que acha?
Lu: boa idéia.

As duas vão até a Lalá , pedem desculpas e saem juntas para brincar.

Catequista: Estão vendo crianças, é necessário que ajudemos o outro a seguir o caminho certo. Não podemos fingir que não estamos vendo o que está errado, precisamos corrigir com amor. E quem é corrigido precisa aceitar a correção também com amor e aprender com seu erro. E o mais importante não voltar a errar.

















































































0 comentários:

Postar um comentário

 
Design WordPress | Desenvolvido por JAM - José Miranda | CATECOM