28 de fevereiro de 2013

É importante ensinar o credo de nossa Igreja, mas é mais importante também ensinar o que nos diferencia das outras, não nas palavras ou doutrinas, mas na sua maneira de ser e fazer comunidade, de agir na sociedade e olhar para o irmão


O que ensinar?




Talvez você seja catequista, ou líder comunitário, ou talvez simplesmente pai, mãe, madrinha de alguma criança, adolescente ou jovem. Se você tiver alguma responsabilidade pela fé de alguém, provavelmente já se terá feito essa pergunta: o que ensinar?
            Há pais meio apavorados, reclamando que seu filho, a ponto de fazer a primeira Eucaristia, não conhece os Dez mandamentos, não sabe rezar a Salve Rainha e mal mal o Pai-Nosso. “Mas... o que ensinam estes catequistas de hoje?” É como se, nas nossas paróquias, já não preocupasse tanto o ensino da fé católica. Mas não é assim.
            Para começar, a educação religiosa não é só coisa dos catequistas. Se a criança não sabe rezar o terço seguramente, é porque nunca o escutou na sua casa. Duvidamos que o catequista tenha a oportunidade de fazê-lo em meio a uma turma com vontade de bagunçar! Não só os voluntários da paróquia são responsáveis pelas orações mal-aprendidas ou sem aprender. Geralmente, eles têm uma hora semanal, provavelmente roubada de sua família ou de seu descanso, para repartir com outras muitas crianças. Porém, pais e padrinhos têm o espaço de sua casa e uma vida inteira. Eles, também, têm o espaço de sua casa e uma vida inteira. Eles, também, têm a ferramenta do exemplo, da vida e da rotina compartilhadas, assim como o amor natural da relação em família.
            Precisamos ensinar o que é a nossa fé. É fé no Deus vivo, que oferece e pede relação. Precisamos ensinar a rezar, porque a oração é esse espaço para o diálogo. As orações são importantes; enquanto a criança não tem ainda suficiente raciocínio,servirão como “conversa mecânica” e inconsciente, decorada e repetida;seu sentido é dar palavras a quem não as tem ainda e estreitar o laço desse menino ou menina com a Igreja. Mas se com o passar do tempo não levamos nossos menores a recriar essa palavra, a inventar o diálogo, a pôr nessas frases o que a pessoa vai sendo no seu crescimento...para nada servirão fórmulas repetidas, que cedo ou tarde serão abandonadas por serem sem sentido.
            É importante ensinar o credo de nossa Igreja, mas é mais importante também ensinar o que nos diferencia das outras, não nas palavras ou doutrinas, mas na sua maneira de ser e fazer comunidade, de agir na sociedade e olhar para o irmão. É bom saber de cor o ato de contrição, mas é imprescindível conhecer o amor e adquirir a capacidade de reconhecer o erro e o pecado, pedir perdão e perdoar. É importante rezar a Ave-Maria, mas é necessário saber que a generosidade e a inocência dessa mulher lhe converteram em parceira de Deus, em sua Mãe, cujo exemplo podemos seguir, e é bom que o façamos. É importantíssimo ensinar a rezar o pai-Nosso, mas temos que demonstrar que esse Pai-Nosso nos une à família de cristãos, nossos irmãos, e nos exige a partilha e o perdão incondicionais.
            Ensine que a Igreja Católica diz, mas, acima de tudo, ensine o que o cristão católico é. Sem dúvida, todo o mundo faz o melhor possível e, no entanto, nem sempre se vê claramente o resultado desse esforço. 


24 de fevereiro de 2013

Encontro Diocesano de Coordenadores de catequese de 2013

O primeiro encontro diocesano de coordenação de catequese de 2013 aconteceu nos dias 23 e 24 de fevereiro. Compareceram 45 coordenadores e faltaram representantes de cinco paróquias, mas  estiverem presentes coordenadores de três paróquias que não compareceram nos encontros em 2012.

Assuntos abordados: Quaresma e Iniciação Cristã, Metodologia: considerações sobre o itinerário catecumenal, Catequese e comunicação, orientações práticas para o uso da internet,reflexão sobre a Igreja e seu desenvolvimento histórico, até chegar aos dias atuais mostrando as diversas facetas da Igreja hodierna e sobre a carta Porta Fidei e as implicações do ano da fé na catequese. 


                                                                                          Confira as fotos:







Deus seja louvado, hoje e sempre!



Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial
Copyright © Catecom - Catequese Diocese de Guanhães | Suporte: Blogger